Quinta-feira, 18 de Outubro de 2018

Buscar  
ELEIÇÕES 2018

Publicada em 04/08/18 às 20:59h - 15 visualizações
‘PT não é dono das estrelas’, diz Armando Monteiro

RCI FM 98


 (Foto: RCI FM 98)

marca adotada pelo senador Armando Monteiro Neto, oficializado candidato ao governo de Pernambuco pelo PTB neste sábado (4), chamou atenção. O petebista, que foi apoiado pelo ex-presidente Lula (PT) em 2014 e este ano abriu o palanque para Geraldo Alckmin (PSDB) embora declare voto para o petista, passou a usar uma estrela alaranjada. “O PT não é dono das estrelas. As estrelas estão no céu, as estrelas estão na bandeira de Pernambuco”, minimizou a relação com o partido de Lula.

“Estamos fazendo uma coisa que foi desenvolvida pelo pessoal de criação. A estrela não é propriedade de um partido, apesar de ter ficado muito associada”, afirmou ainda o senador.

Em Pernambuco, o PT vai se coligar com o PSB do governador Paulo Câmara, após retirar a pré-candidatura da vereadora do Recife Marília Arraes essa semana, em acordo com os socialistas para evitar o apoio deles ao ex-ministro Ciro Gomes, pré-candidato à presidência do PDT.

Armando Monteiro encabeça a chapa que tem como candidatos ao Senado os deputados federais Bruno Araújo (PSDB) e Mendonça Filho (DEM), ambos opositores aos governos petistas. O petebista, apesar disso, declarou voto em Lula, se o petista conseguir ser candidato. Ele foi apoiado por Lula nas eleições de 2014, quando Paulo Câmara apoiou inicialmente Marina Silva, na época no PSB, e, no segundo turno, Aécio Neves (PSDB).

Armando visitou Lula na prisão, na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba (PR) há duas semanas. Preso, o petista foi oficializado candidato à presidência da República pelo PT em convenção realizada também neste sábado, em São Paulo.

Em discurso durante a convenção, Mendonça Filho saiu em defesa do nome de Alckmin. “Nossa luta é fazer Armando governador e Geraldo presidente”, afirmou em discurso.

A relação de Armando com Lula quase provocou a saída do PSDB do palanque. Bruno Araújo, que é presidente estadual do partido, chegou a ameaçar se lançar candidato ao governo para dar palanque a Alckmin em Pernambuco e só voltou para o grupo depois que o petebista divulgou uma nota abrindo espaço para a campanha do tucano à presidência.




Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Player Pop Up



(83) 9.8793-3341

Hora Certa
No Ar
Pro.Deus Imeso com EDILSON BERNADO
Promoçoes 98,5
Enquete
COMO VOCÊ CLASSIFICARIA NOSSO SITE?

 ÓTIMO
 BOM
 RUIM

Publicidade Lateral
Clima Tempo
Estatísticas
Visitas: 256938 Usuários Online: 63


Publicidade
Parceiros



RCI FM 98,5
Copyright (c) 2018 - RCI FM 98 - Todos os direitos reservados